segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Caio Castro

Domingão à noite, 23h15, eu concentrada nos meus afazeres, de repente a Camila fala:
- Mãe!!!! O Caio Castro divulgou o telefone dele no twitter, acho que ele queria mandar uma DM (mensagem privada) e publicou sem querer.
- Tá brincando?!?!? Fala o número aí...
(discando na maior cara-de-pau para Caio Gostoso Castro)
(viva voz ativado para Camila ouvir também)
(chama uma vez... tuuuuuu.... chama duas.... tuuuuuu.... chama três..... tuuuuu.... e....)
- Alô?!
- Alô?!?!?! Caio Castro ?!?!?!?!?! É você??????
- É.... mas quem tá falando?
- Aqui é a Ilana, cara... tu tuitou teu número de celular, tá sabendo?
- Ah, pois é, mas não.... não fui eu, foi uma ex-namorada minha que fez isso pra me ferrar...
- Ah tá, então... só liguei pra te avisar, coisa e tal... vai que você não percebeu... blá blá blá
- Legal, obrigado... valeu querida.... um beijo...
- Um beijo...  tchau!

Gargalhadas, Camila e eu não acreditando que ele tivesse mesmo atendido o telefone.

Bem, daí vim a saber que paguei um mico duzinferno.... eu liguei pra ele pra "avisar" da falha, só que a publicação tinha sido feita há 20 horas !!!!!!!!!!!! Ou seja, ele já estava há quase 24hrs recebendo ligações para "alertá-lo" sobre o fato.

Só não sei quantas pessoas mais tiveram a sorte de falar com o galã global.

Se antes eu já suspirava em frente à TV, agora então.... um fofo, educado, querido e ainda mandou BEIJO!

E me deixa, tá? Quando ele nasceu eu tinha apenas 14 anos, não tenho idade pra ser mãe dele pohãn nenhuma.

E virou notícia nos sites de fofoca, é claro.... o número do telefone ainda está lá publicado, mas agora eu duvido que ele atenda de novo.... hahahahahaha

Eu queria que ele fosse o príncipe da festa da Camila, sempre falei... mas depois que soube do valor que ele cobra... afffff.... muito caro, não que eu não estivesse disposta à desembolsar, se eu tivesse sobrando, com certeza o faria. Será que a Xuxa me ajuda a realizar esse sonho... hahahahahahaha

Morram de inveja, tá?

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Project365 - 274 a 303 - Outubro/2011

274/365 - 01.10.11 - [Sábado]
Mais um mês chegando, Outubro, seja bem-vindo, não tenha pressa em terminar!
Ganhei uma flor, e não foi do namorado, pois eu não tenho um namorado! Ontem foi Dia da Secretária, 30 de setembro, todas meninas da empresa ganharam, que simpático, né? Achei digno!
Quer dizer, digno mesmo é o lugar que a Camila está.
----------------------------------------------

275/365 - 02.10.11 - [Domingo]
Eis algumas amostras de como serão as caixinhas do convite da Camila. Passei o final de semana em cima delas, produção a todo vapor, mas demoraaaaa.... vou encomendar os papéis já cortados nas medidas que preciso, essa parte consome um tempão do processo, sem condições de fazer 200 caixinhas até o final do ano. Mas é uma delícia poder fazer "eu mesma" essas coisas, aliás, o grande prazer pra mim é isso, essa parte de execução, planejamento, organização e criação.
Ideias eu tenho de monte, só me falta-me o gramur tempo!
----------------------------------------------

276/365 - 03.10.11 - [Segunda-feira]
Foto de segunda-feira é sempre complicado obter, portanto vamos aproveitar que minha filha está lá no MED aproveitando muito sua viagem de formatura e vamos surrupiar gentilmente um click das garotas fantasiadas para a festa temática da noite. Já tá batendo saudades da minha filhota. 
----------------------------------------------

277/465 - 04.10.11 - [terça-feira]
Dia de buscar Camila no aeroporto, de volta à realidade, bebê! 
----------------------------------------------

278/365 - 05.10.11 - [quarta-feira]
Se eu tenho vergonha de pagar mico no shopping? Acho que não, né?
----------------------------------------------

279/365 - 06.10.11 - [quinta-feira]
Depois de um pequeno atraso na entrega dessa coisa, e de ficar alguns dias enfiada na caixa por conta da minha incapacidade física e intelectual para montar sozinha, finalmente o trambolho está em funcionamento, por enquanto cumprindo seu papel de aparelho de ginástica na casa.
Poderá ser promovido à "cabide de tralha" a qualquer momento.
Por conta dessa aquisição terei que aumentar minha edícula, fazer uma micro "kadimia" e já fazer um salão(zinho) de festas para as futuras reuniões dos amigos das minhas filhotas.
Enfim, já botei o popozão pra malhar!
----------------------------------------------

280/365 - 07.10.11 - [sexta-feira]
Apesar de ser proibido levar brinquedos eletrônicos para o colégio, hoje em dia proibir algo assim seria o mesmo que dizer que não poder levar suco de caixinha para o lanche, ou seja, o cúmulo da falta de modernidade.
Mas né... nem todo mundo tem essas paradinhas
----------------------------------------------

281/365 - 08.10.11 - [sábado]
Jogo do Grêmio em Curitiba:
- ingresso R$80,00 cada
- estacionamento R$20,00
- estádio fedido
- chuva na cabeça
- perdemos o jogo
MAS... vibrar com o time do coração, sentir o calor da torcida, gritar e ainda compartilhar esses momentos com a família.... não tem preço!
E depois disso tudo... fui pra balada... 
----------------------------------------------

282/365 - 09.10.11 - [domingo]
A foto não deixa de ser de domingo, afinal balada mesmo é depois da meia-noite, hehehe
Aniversário do Jefferson, na foto com ele, Celi e Claudinha.
Adoro ir ao Layout80, pena que meu pique não é mais o mesmo, do contrário iria toda semana, só toca música que eu adoro, baladinhas dos anos 80, tudo de bom!
O resto do domingo é claro que passei na cama, descansando o esqueleto.
----------------------------------------------

283/365 - 10.10.11 - [segunda-feira]
Segunda-feira, de volta ao trabalho, semana com feriado no meio, sempre é bom.
Encomenda da Trevisart, convite pirulito no tema circo, bem fofo!
----------------------------------------------

284/365 - 11.10.11 - [terça-feira]
Dia de ir em show de punk rock song... na companhia da Camila, que também recebeu a companhia do papai, já que o presente de dia dos pais dele foi ingresso para esse show.
Adorei... já é o terceiro show que vou da banda, BAD RELIGION, tenho quase todos os cds, e faz parte de momentos muito importantes da minha vida.
Show foi super cedo, quase nos atrasamos, já que rolou um lanche no Madero antes, na companhia dos amigos AND namoradinho da Camila. Já contei que ela tá namorando? Tão fofos!
A Carolina foi dormir na casa de uma amiguinha, a Bruna, primeira vez que ela dorme na casa de pessoas que não são da família.
P.S.: Não deixaram eu entrar com a minha câmera fotográfica no show... fiquei muito revoltada, afinal não é profissional, mas não teve jeito, por isso não tenho foto para ilustrar esse dia, postei então uma pós-show, com as camisetas da Banda. Fazer o que né?
----------------------------------------------

285/365 - 12.10.11 - [quarta-feira]
FERIADO! Delícia... apesar de ter ido no trabalho resolver uma pendenga.
Dia das Crianças... geralmente faço festinhas, mas como Carolina dormiu na casa da amiga, e Camila não é mais criança, e não tive tempo algum... ficou meio sem graça esse ano. Carolina chegou em casa e não tinha presente... revolta geral... tivemos que ir ao shopping, em pleno feriado, loja de brinquedos entupida de gente, estacionamento insuportável, enfim... escolheu um avião novo da Polly (sempre ela) e deu!
Pros sobrinhos dei dinheiro. A tia/dinda aqui mesmo quando tem tempo não sabe o que comprar, imagina sem tempo? Não rolou inspiração pra comprar bichos feios, carros que viram robôs, ou beyblade "sedentárius"... hahahaha

----------------------------------------------

286/365 - 13.10.11 - [quinta-feira]
Assunto polêmico, mas eu preciso desabafar... deixar registrada a minha opinião sobre remédios para emagrecer. Pra começar... gordo só se fode na vida, sei disso pois nunca fui uma pessoa magra, e quem não é magro... é gordo. Sofri horrores, ainda sofro, e vou sofrer sempre.
Oh dó... não tá contente, mude o jogo!
Tenha força de vontade!
Faça uma reeducação alimentar!
Vá pra academia!
Procure uma nutricionista!
Faça terapia!
Mil e duzentos conselhos, mas peraí... será que eu nunca pensei nessas coisas antes?????
LEIA MAIS SOBRE ISSO CLICANDO AQUI.
----------------------------------------------

287/365 - 14.10.11 - [sexta-feira]
Em comemoração à semana da criança, atividades diferenciadas na escola, e na sexta-feira foi o DIA DO ESQUISITO. Era pra inventar uma roupa esquisita, penteado esquisito, enfim, Carol foi assim, com sombra preta nos olhos... a foto já é do final do dia, pós lanche em que fomos comer uma sobremesa na Yoguland, mas dá pra ter uma ideia da esquisitice, né?
----------------------------------------------

288/365 - 15.10.11 - [sábado]
Dia dos Professores, aproveitamos o embalo na produção de caixinhas para a festa da Camila e montei uma para a profe... que é uma querida, muito atenciosa e dedicada.
Lembrancinha pequena, mas de coração.
----------------------------------------------

289/365 - 16.10.11 - [domingo]
E esse é o meu novo jeito de trabalhar... com seriados na TV antiguinha que coloquei no meu local de trabalho artesanal (leia-se a copa de casa). Passei o final de semana assistindo House (dublado, pra não precisar ler e entender os termos médicos). E assim fiz muitas e muitas caixinhas (mentira, cada final de semana rende no máximo 8... ainda bem que a tia Nauri tá ajudando).
Acontece que fiquei meio frustrada com os papéis que comprei, no final das contas é capaz das caixinhas ficarem mais caras do que compradas na gráfica, e não ficarão do jeito que imaginei. HUNF!
Primeiro encomendei papel color plus 180g MARROM HAVANA.
Quando abri os pacotes quase tive um desmaio, era marrom diarréia (tá, vou pegar mais leve... marrom caramelo). Aí não pensei duas vezes, encomendei novo papel, mais 150 pila de MARROM MARROCOS. Ah, aí sim, marrom escuro, cor de chocolate.
Para meu infinito desânimo, o marrom é escuro demais, quase preto, e não estava ficando bom com os papeis de scrap que eu havia comprado. Gastar mais 150 por causa de um tom coco de marrom (literalmente)??? Acho que não.... vamos adaptar, é o jeito.
Detesto quando as coisas não saem do jeito que eu planejo.
----------------------------------------------

290/365 - 17.10.11 - [segunda-feira]
"- Mããããããeeeee.... posso desenhar no chão?
- Claro que sim, comprei uma "caixinha" de giz pra você."
Seja feita a sua vontade, criança!
Brinque, conserve a inocência da infância o maior tempo possível.
Sorria, alegre-se com pequenas coisas, dê risada de palhaço, acredite em Papai Noel, na Fada do Dente.
Não há nada a perder com isso, pelo contrário, os melhores anos da nossa vida são esses, acredite...
----------------------------------------------

291/365 - 18.10.11 [terça-feira]
Carolina usando o chapéu que ela escolheu no shopping. Cheia de charme, minha ruivinha.
Nessa foto ela e a Camila estão escolhendo tema para a festa de 9 anos da Carolina, é tão difícil escolher tema, o que ela quer... eu não acho legal.... o que eu sugiro.... ela não gosta.
Bom mesmo era quando eu escolhia e elas achavam o máximo!
----------------------------------------------

 292/365 - 19.10.11 [quarta-feira]
Trânsito, eu e o celular... quando não flui o jeito é olhar pro lado e curtir a paisagem, olhar os detalhes, observar ângulos diferentes. Alguém acredita se eu disse que estou com CALO na mão de tanto dirigir?
O progresso traz desordem... meses, anos para conclusão de obras.
Demora muito para inventarem carros voadores?
----------------------------------------------

293/365 - 20.10.11 [quinta-feira]
Que dó, que dó, que dó da Camilinha!
Esse é um McLanche Feliz após ida ao dentista.
Só picadinho, coisa mole, pastosa.
Falta pouco, tiacalma meu amor.
----------------------------------------------

294/365 - 21.10.11 [sexta-feira]
É chegada mais uma sexta-feira, Carol e eu fomos jantar no shopping, olha que sanduiche natureba eu escolhi, com suco de melão e salada de fruta de sobremesa (que a Carolina comeu todinha).
Depois do jantar a Carol foi pra casa do papai, e eu buscar a Camila láááá do outro lado da cidade, rolou mais um encontro da galerinha, a mãe de uma leva e eu busco.
Na sexta-feira eu estou tão cansada, tudo que eu desejo é a minha cama, meus travesseiros e só.
----------------------------------------------

295/365 - 22.10.11 [sábado]
Dia de cuidar dos sobrinhos, e mesmo com trocentas opções de brinquedos em casa, o que entreteu foi um enorme caixa de papelão! Enquanto eu colocava meu quintal em ordem, eles ficaram brincando ali por perto. Foi bem sossegado, mas eles sentem muita falta da Carol, sem ela ficaram meio "perdidos", brinquei um pouco com o Léo de restaurante, mas não sou tão fofa e simpática quanto a Carol, né? hahahaha
----------------------------------------------

296/365 - 23.10.11 [domingo]
Domingão, bom pra dormir até tarde, né não? NÃO, hahahahahahaha.... antes das 8h de pé para cuidar dos sobrinhos novamente. Mas, acho que tenho criação de mosquito do sono na minha casa.... dormimos até quase 10h, ô beleza, aí sim.... 
De noite os meninos levaram seus pintos para a Carol conhecer.
CALMA! Pinto pinto, de verdade, taí a foto que não me deixa mentir. 
Ju-ra-va que pinto era amarelinho, gente! 
Porque diabos eles ganharam dois pintos? Pra cuidar, engordar os bichos e um dia descobrir que eles fugiram com a galinha da vizinha, assim.... sem mais, nem menos.
(Óbvio que a estória desses pintos tem a ver com o fato do meu irmão ter ganho um quando pequeno, de "brinde" na Festa da Uva de Caxias do Sul, o pinto era verde, azul, sei lá que cor, e levamos pra casa, um belo dia a galinhona virou risoto, que ele comeu sem fazer ideia que comia seu próprio animal de estimação. MALDADE que faziam com a gente, hahahahahaha, eu ri muito)
----------------------------------------------

 297/365 - 24.10.11 [Segunda-feira]
Tão bom começar a semana recebendo entregas... muitos DVD´s em promoção, séries com preço bacana, fiz a festa, e as meninas também! Fazia um tempinho que eu não comprava. Adoro.
----------------------------------------------

 298/365 - 25.10.11 [terça-feira]
Dia controverso.

Quer saber mais? Clique aqui e leia o restante...
---------------------------------------------- 

 299/365 - 26.10.11 [quarta-feira]
Você acha que esse carro está bem estacionado?
Ou melhor, você acha que esse carro está estacionado regularmente conforme manda a lei?
Cumé que eu fui bater nessa praga tão bem estacionada, né?

 Infrações de Trânsito:
Art. 181. Estacionar o veículo:
I - nas esquinas e a menos de cinco metros do bordo do alinhamento da via transversal:
Infração - média;
Penalidade - multa;
Medida administrativa - remoção do veículo


Putz, a culpa foi minha, realmente, bati, de raspão, e assumi. Mas na hora de entender que merda eu fiz... não me achei tão culpada assim. São 8 anos dirigindo diariamente na região, aguentando a falta de educação de muitos pais que param em fila dupla quando a escola oferece local apropriado para embarque e desembarque, três baita estacionamentos, e toda uma estrutura para atender o movimento na entrada e saída de aula.
Aí vem um senhor de roupa branca, acredito não ser um Pai de Santo, pela arrogância, e por ter me chamado de POBRE, deve ser um renomado médico, ou um reconhecido dentista, ou qualquer M. que o valha, e acha que pode "vencer" sem assumir seu erro. Não estou falando do conserto dos carros, estou falando da infração. Assim que questionei a posição do carro, toda errada, ele já começou a se defender com "área escolar". Como assim? Quer dizer que em área escolar a gente pode estacionar o carro de cabeça pra baixo, no meio da rua, e tá tudo certo? Nãnãnão! E mesmo que fosse... horário escolar às 19h10? Hmmmm.... querendo se safar, Sr. Doutor.
Se a atitude dele tivesse sido outra as coisas não terminariam em baixaria, e ele sairia ganhando, tenho certeza, mas não... ele preferiu usar de machismo me chamando de "barbeira" para não admitir que também estava errado, ele preferiu rir na minha cara ao questioná-lo pelo estacionamento indevido, e aí senhoras e senhores.... não há o que segure a Ilana.

Segue diálogo cordial (e resumido) entre as partes:
- Boa tarde, o senhor é o dono do carro?
- Sim, o que foi que houve?
- Eu bati no seu carro, foi tudo tão rápido que estou tentando entender.
- E como é que fica?
- Bom, eu bati, sou culpada, vou pagar o conserto, mas... o senhor estacionou o carro muito mal, hein, se o carro não estivesse tão perto da esquina eu não teria batido.
- Área escolar, minha senhora, posso estacionar do jeito que eu quiser.
- O senhor me desculpe, mas isso não é verdade, ninguém pode estac...................
- HAHAHAHAHAHA... A Senhora é uma barbeira, bate no meu carro e agora quer usar de desculpas esfarrapadas para fugir da culpa.
- Não estou fugindo de nada, só estou dizendo que o senhor está errado, não estou dizendo que o senhor é culpado! Acho melhor cada um cuidar do conserto do seu carro e acabar com a discussão por aqui.
- HAHAHAHAHAHA... A Senhora que chamar o Detran então? Porque eu não vou pagar é nada!
- Quero, vamos chamar o Detran então.

Obviamente que ele não chamou o Detran, e a discussão não acabou, os palavrões começaram a fazer parte do diálogo, eu me irritei profundamente com o jeito como aquele senhor estava tratando da situação, fotografei e filmei algumas partes da conversa, que terminou com o seguinte diálogo:

- Quer saber? Não vou discutir com a senhora, A SENHORA É POBRE!
- Pobre?
- De espírito, no mínimo!
- Bem eu, que estou aqui tentando conversar.
- Primeiro a senhora admite a culpa, agora quer negar, pra mim isso é falta de caráter!
- Falta de caráter? Eu podia ter ido embora e o senhor nem saberia quem bateu no seu carro, fiquei aqui lhe esperando porque não tenho caráter?
- Na frente da testemunha a senhora admitiu a culpa e (resmungos)
- E quem é que está negando a culpa? O senhor é surdo? Não estou negando nada, só quero que o senhor admita o seu erro.
- Meus advogados vão procurar a senhora.
- Ah claro, o senhor é rico, pode comprar quantos advogados quiser, né. Boa sorte então!

É claro que todos os palavrões metralhados foram suprimidos do meu texto, pra deixar a coisa mais leve... hahahahaha.... mas eu falei muita coisa, e ouvi também, só que eu falo palavrão normalmente, brava então....
Eu errei, assumiria o prejuízo sem o mínimo problema, desde que ele tivesse me tratado com um pouco mais de respeito.
---------------------------------------------- 

  300/365 - 27.10.11 [quinta-feira]
Depois de uma manhã estressante e frustrante e revoltante no trabalho, fui trabalhar em casa. Fiquei em cima de planilhas durante 13 horas seguidas! Viva a Receita Federal... hunf!
---------------------------------------------- 

  301/365 - 28.10.11 [sexta-feira]
Dia especial, aniversário da cunhada Taciana, eu acharia digno postar uma foto dela nesse dia, mas quem disse que é fácil conseguir UMA foto de fotógrafos em geral? Missão (quase) impossível! Ainda mais que ela trabalha todo ano fotografando uma cliente nossa que faz aniversário no mesmo dia.
Em todo caso, fica aqui minha pequena e singela homenagem por esse dia, Taci parabéns, felicidades, tudo de bom, sucesso e muitas realizações, você merece muito!
Camila almoçou e passou a tarde no Palladium com os amigos, depois foram pra nossa casa encerrar a sexta-feira com uma baguncinha no quintal.
Carolina deixei na festa da amiga Sofia, festa à fantasia, foi de espanhola, uma fofa.
E lá se foi mais uma sexta! À meia-noite fui deixar uns convites de uma cliente na portaria do prédio dela.
Correria essa semana? Capaz... quase nem...
----------------------------------------------

  302/365 - 29.10.11 [sábado]
Dia de muitas festas... Camila numa festa surpresa pros amigos Gabi e Henrique. Carol e eu numa festa de Halloween mega chique na casa de uma colega de aula. Na foto ela e o Edu fantasiados. Acho que a crise afetiva passou, tiveram uma DR (Discussão de Relacionamento) e se acertaram. (Será que tem gente que acredita nas coisas que eu, ironicamente, escrevo?).
----------------------------------------------

  303/365 - 30.10.11 [domingo]
Para encerrar o final de semana das bruxas com glória, nada mais gostoso que enfiar 4 gols no time do Ronaldinho "carioca", mercenário, pilantra e "piiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii" 
Agora tu morreu pra nós, dentuço.
FIM
----------------------------------------------

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Mãe de menina

Curitiba, 25 de outubro de 2011.
Terça-feira.
Dia controverso.

Para Camila, um dia de novas experiências, sair da rotina, almoçar na casa do namoradinho pela primeira vez, tem noção da situação? Deu tudo certo, e isso é assunto dela, não vou expor nenhum deles, a exposição que eles mesmos se permitem basta (fotos no Twitter, Facebook, etc), é melhor respeitar né? Hehehehe. Não vou fofocar, mas dou meu apoio e têm minha aprovação!

Para Carolina, um dia de desilusão amorosa, tem noção DESSA situação? Aos 8 anos de idade, sofrendo e CHORANDO por causa do Edu. Ah que dó. Fiquei sabendo que rolou um stress com os dois, Carol ficou com ciúmes pois o Edu não falou com ela direito, não passou o recreio com ela, e nem na hora da natação eles conversaram!

Para Ilana, foi um dia de “E agora, José?”
As três dentro do carro, indo pra casa numa cena inusitada, quase patética, mas engraçada.
Camila querendo contar as novidades, Carol reclamando da má sorte, chorando e dizendo “é mãe... vou acabar igual você... solteira!”. Vejam a que terrível constatação ela chegou, HAHAHAHAHAHAHAHA... só rindo, e não na frente dela, lógico.

Conversamos ao chegar em casa, mas como explicar pra uma criança de 8 anos que não é a idade de estar falando sobre isso, que ela não devia sofrer por isso, muito menos chorar. Sugeri que ela não tratasse mais o assunto como “romance”, pois nessa idade isso é fantasia, brincadeira, não pode ser levado a sério. Ela tinha que ver o Edu como amigão, e só.  Na minha opinião não posso tratar o assunto com descaso, ignorar o contexto, podar os sentimentos. Tem que haver muito diálogo, explicações racionais que justifiquem os nossos “nãos” em se tratando de sentimentos. Pode comer bala antes do almoço? NÃO. Nesses casos nem acho que a gente precisa dar muita explicação, mas assunto do coração, que envolve demonstração de sentimentos... jamais podemos dizer “é assim mesmo, não dá bola, vai passar, esquece isso, engole o choro, é bobagem, é coisa de gente grande, etc, etc...”

Sei lá se estou viajando na maionese... mas é assim que eu penso.

Ser mãe de menina talvez seja muito mais fácil, pois sabemos nossas dores, o que sentimos, pelo que passamos, fica mais fácil entender as dores e os sabores das filhas, sei o que falar, como falar para aliviar uma angústia, sei explicar sintomas, dar exemplos.
Porém, mulher é um ser que passa por tantas provações na vida que acabo achando que quem tem vantagem mesmo é mãe de menino.

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Remédios para emagrecer

Assunto polêmico, mas eu preciso desabafar... deixar registrada a minha opinião sobre remédios para emagrecer. Pra começar... gordo só se fode na vida, sei disso pois nunca fui uma pessoa magra, e quem não é magro... é gordo. Sofri horrores, ainda sofro, e vou sofrer sempre.

Oh dó... não tá contente, mude o jogo!

Tenha força de vontade!

Faça uma reeducação alimentar!

Vá pra academia!

Procure um nutricionista!

Faça terapia!

Mil e duzentos conselhos, mas peraí... será que eu nunca pensei nessas coisas antes?????

É claro que já. E dá pra incrementar a lista. Fato é que, além da genética, tem muito mais coisa envolvida nesse efeito sanfona constante. Genética, personalidade, condições de trabalho, logística familiar, tudo acaba influenciando na maneira como vivemos, nos hábitos alimentares e nas necessidades em tempos difíceis, em que só uma grande barra de chocolate é capaz de te acalmar.

A ANVISA proibiu a produção e comercialização de algumas anfetaminas no país, dentre elas o Femproporex, do qual tenho feito uso, com acompanhamento médico, e com muita consciência.

Sim, são as "malditas" fórmulas emagrecedoras, que fazem você perder peso magicamente e rapidamente, mas que são um perigo para a saúde, viciam, e ainda podem te matar.

Cair e bater a cabeça pode me matar.

Um AVC pode me matar.

Um tiro pode me matar.

Para morrer, basta estar vivo.

Quem bebe tem um vício que pode matar, nem por isso a bebida é proibida.

Quem fuma tem um vício que pode matar, nem por isso o cigarro é proibido.

Quem tem problemas para dormir, toma lá seu tarja preta e dorme feito bebê.

Quem tem pressão alta, toma lá seus comprimidos e vive normalmente.

Quem é gordo... bem... quem é gordo pode fazer uma bariátrica, academia, terapia e tomar vergonha na cara, ou cortar os pulsos, afinal, só é gordo quem quer. Não é bem assim que as coisas acontecem, gente?


O Conselho Federal de Medicina entrou com recurso para impedir a proibição, eles sabem o quanto muitos obesos (que não é o meu caso) precisam disso para SOBREviver, e não haverá substitutos, outro componente com o mesmo poder inibidor, ou seja, sabe-se lá o que vai ser dessa gente. Eu não sou gorda mórbida, tenho uns quilos a mais, acontece que tenho quase 40 anos, tenho tendência a engordar (genética), sou ex-fumante e não passa pela minha cabeça voltar a fumar, tenho trabalho e logística familiar que exigem que eu fique praticamente o dia todo sentada, e mais 532 dificuldades para ter uma "vida saudável".

Tá, beleza, muita gente está na mesma situação e dá um jeito.

Parabéns aos envolvidos... eu não consigo, por enquanto minha agenda não ajuda, mas o remédio sim.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...