quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Ter opinião requer respeito!

Quem está conectado nos principais canais de notícias e redes sociais sabe (ou ao menos já ouviu falar) da banda Restart. É, aqueles meninos coloridos, de cabelo mal arrumado que minha filha AMA.
Eles são o assunto do momento, tanto para fãs quanto pra galera amarga que adora "emitir opinião" sem nem ao menos saber do que está falando. Eu fico p#t@ da cara com isso, mas acabo ficando na minha pra evitar polêmicas, e como aqui o blog é MEU, falo o que eu penso e leia se quiser.

Em primeiro lugar acho que ADULTOS que falam mal dessas bandas de ADOLESCENTES deviam crescer. É, isso mesmo! Uma coisa é você NÃO gostar deles, ok, respeito sua opinião, minha mãe também não gostava de Menudo, e nem de Dominó, e também nem sabia quem era o Polegar. E eu, por exemplo, não gosto de música sertaneja, não sei diferenciar as duplas da moda, quem canta o que, já ouvi música do Luan Santana, sei até cantar o Meteoro da Paixão, mas definitivamente, não é o meu estilo, gosto de rock. Mas eu RESPEITO quem gosta, e quando eu digo que respeito eu quero dizer que não fico falando sobre o que eu não sei, não xingo  "ui, odeio isso, é nojento, são tudo viado, tem que morrer", apenas digo "não faz meu gênero, não gosto". Ponto final!

E não se trata só de bandas, tem os tais colírios da capricho, adolescentes de boa aparência que ainda têm muito o que aprender na vida, e o mesmo absurdo acontece quando vejo adultos falando mal e, PIOR, discutindo com os garotos. Uma vez um deles começou uma brincadeira boba no Twitter, que rendeu muito assunto, e tinha gente dando lição de moral: "ao invés de brincadeiras idiotas você deveria iniciar uma campanha pelo fome no mundo". Ah, me poupe! São garotos! Em que momento da vida a gente tem pra ser feliz e não se preocupar com os problemas do mundo? Na infância e na adolescência (não estou dizendo que eles não precisam ter responsabilidade, é diferente, refiro-me apenas à maturidade). 

DETESTO, odeio, abomino crítica ofensiva. Falar PUBLICAMENTE de política, futebol, música, enfim, gostos em geral é algo arriscado hoje em dia, sempre tem aquele "sabe tudo", o "bonzão" do pedaço, que acha que pode criticar e falar o que quiser, da maneira que quiser, afinal existe a tal liberdade de expressão, defendem-se dizendo "é a minha opinião"... OK! Mas não dá pra ser mais educado ao emitir a sua opinião?

Tenho medo dessa liberdade toda, medo pois nossos filhos estão dando a cara pra bater a todo momento, fazem parte de comunidades no Orkut, expressam suas ideias no Twitter, aceitam perguntas de qualquer tipo no Formspring, e por aí vai...

Tenho medo também que essa onda de pessoas famosas falando o que quer seja um péssimo exemplo de como emitir opinião. Opinião alheia requer respeito! Ter opinião própria requer respeito!

Determinados comentários de famosos estão virando notícia! Pois é, desde quando isso mereceria destaque? Qual a relevância em saber que Fulana criticou a Ciclana por exigir pensão alimentícia? 

Ao ler um post de uma amiga defendendo a Dilma, por exemplo, qual minha reação, uma vez que não apoio a candidata? Posso ter duas atitudes:
1- Amiga, odeio essa mulherzinha safada e essa corja do PT, não sabia que você gostava dela, cuidado com a dentuça, você vai ver se ela ganhar o caos que vai virar esse país!
2 - Não sabia que essa era a sua posição política. Eu vou votar no Serra, sempre gostei dele e tal, acho que ele tem mais experiência para administrar o país. Vamos ver o que vai ser né?

Pronto, muito simples respeitar a opinião do outro sem ser indelicado. Tem gente que é grossa por natureza, as pessoas ditas "sinceras demais" às vezes perdem a noção do ridículo e metem a lenha sem nem ao mesmo ter o direito, aliás, se a pessoa é famosa, um ator, uma banda, um artista, que direito NÓS temos de ficar xingando, criticando e expondo nossas ricas e imprescindíveis opiniões? Guarde pra si! Discuta com seu parente, fofoque entre amigos, mas não precisa publicar, não precisa gastar o seu precioso tempo escrevendo coisas do mal, dá pra entender? De maldade já chega o que existe no mundo, pra que cultivar mais?

Um tempo atrás a Camila estava entrando na onda de xingar artistas babacas no Twitter, diretamente pro artista e tal, CORTEI na hora! Por mais que seja JUSTO o xingamento , afinal o babaca também estava cultivando a desavença, mesmo assim, não justifica, se quer impor sua opinião, seja educado, seja civilizado, seja cortês. Não precisa de baixaria pra exigir seus direitos. Adolescentes geralmente são assim, afoitos, mas ver adultos se comportando dessa maneira, aí o problema é sério.

A onda do Twitter tem alimentado bastante essa coisa de mandar os outros CALAR A BOCA, isso não pode ser um bom exemplo pra quem está com o caráter em formação, e aliás, isso não é bom exemplo pra ninguém.

Seja lá qual for a sua opinião sobre os mais diversos assuntos desse mundo, por favor, seja educado ao expor o que você pensa. Brincadeiras e bom humor são bem-vindos, mas sempre acompanhados de bom senso.

(Texto escrito após acompanhar inúmeras discussões no Twitter e ler diversos comentários em notícas do Terra)

5 comentários:

  1. Amiga eu entro pouco no twitter e nem sabia que o povo se xingava lá, depois eu que sou #aloka.
    Quanto a Dilma tenho que confessar que é difícil não se revoltar, não me conformo com essa mulherzinha e ponto. Mas tenho tentado ficar na minha para não arranjar 50% de arqui-inimigos no Brasil rs.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns,Ilana!
    Texto mais que perfeito!
    Principalmente no ponto que diz para parar de publicar as maldades.
    Fui criticada e atacada por postar uma única frase no meu blog!
    Pasmem!!
    Bom saber que as meninas têm uma mãe como você!
    Beijocas

    ResponderExcluir
  3. Apoiada, amiga! Texto perfeito, como sempre.
    E no nosso tempo (sei lá, uns cinco anos atrás... rsrsrs) ai de quem falasse mal do Menudo! Eu chorava de raiva, e me lembro de ter brigado com meu tio pq ele dizia que o Rick Martin era viado!! hahaha Um visionário, esse meu tio!
    Beijoooo!

    ResponderExcluir
  4. Você no mínimo deveria ser colunista da Veja seus textos são muitas vezes melhores e mais divertidos. Parabéns!.
    Concordo com tudo o que foi exposto e Meu Deus do Céu você tem que organizar um mini-curso de como ser mãe de Adolescentes!. Perfeito. não é a toa que suas filhas são tão educadas e inteligentes. Com o bom exemplo em casa fica muito Fácil!
    Abraços

    ResponderExcluir
  5. amiga...achei importante ler teu post, afinal meu filho logo se torna adolescente e limitar o que se diz na internet é importante, acredito que liberdade de se expressar e respeito às opiniões alheias caminham lado a lado. beijos e saudades da louca mais amada do Sul (ah, lembrei de ti qnd inauguraram a pedra fundamental da Arena tricolor)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...