sexta-feira, 18 de junho de 2004

Demolidora - O Retorno

Já comentei o quanto é difícil passear no shopping com a Carolina... mas ontem eu arrisquei mesmo assim (e me ferrei)
Precisava comprar umas coisinhas e tive que ir com as duas.
Gente.... meus braços chegaram a ficar amortecidos de tanto tentar segurar aquele chumbinho... mas não é no sentido de carregar uma criança no colo, e sim "prender" uma criança no colo.

Bom, estacionei o carro e descemos, deixei ela andar um pouquinho. É engraçado olhar pra cara de todo mundo, olhando pra ela e achando engraçado aquela figurinha toda empolgada circulando sozinha, eufórica e falante: "olha ali, olha... olha... olha.."
Ela entrou em umas três lojas, quase foi atropelada umas seis vezes, caiu umas quatro, deu porrada em umas cinco vitrines, enfiou a língua em outras duas e abordou uns seis bebês pelo caminho...
A Camila resolveu que queria um sorvete, nesse momento parei para procurar uma moedas na bolsa, quando olho pro lado a dona Carolina estava dentro de uma joalheria, observando as jóias...
Arrepiei-me dos pés à cabeça !!! Já pensou ela derrubando aquelas jóias todas ???
Depois disso prendi a meliante no meu colo.
Entrei na loja (minúscula) com as duas, uma chupando sorvete e a outra azucrinando que queria também (tipo de cliente indesejável, não??)
Coloquei as duas sentadas numas poltronas ali e escolhi rapidamente a mercadoria. Enquanto aguardava o comprovante do pagamento elas sossegaram um minuto (depois que a Carol tombou da poltrona, claro).
A Camila dando sorvete de colherinha pra Carol, foram os 3 minutos mais sossegados do passeio.
Tudo pago, vamos embora... peguei novamente a Carol no colo e a danada começou a se contorcer toda, numa dessas se jogou pra frente e deu com a cara no sorvete da Camila.
Ficou com os cílios grudados de sorvete, e na ponta do nariz também. Num movimento rápido e involuntário, passou as mãos no olho para limpar.... borrou mais ainda, agora era a cara inteira e as mãos borradas... eu não sabia se segurava ela pra não despencar do meu colo, ou limpava a meleca toda, ou me esquivava pra não me borrar também...
Saímos de lá fugidas... feito loucas que somos... a Carolina chorava, berrava, eu corria, a Camila corria com aquele sorvete na mão... todo mundo olhando... um vexame...
Mas... fazer o que??? Aquele shopping ainda vai ser palco de outras tantas gargalhadas !!




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...